quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Inzaghi: o medo real de José Mourinho


Dois gols podem não dar a vitória à um time em um clássico da Liga dos Campeões, mas servem para consagrar mais ainda a carreira de um veterano atacante com 37 anos. Na partida Milan 2 x 2 Real Madrid, Filippo Inzaghi ou Pippo, como chamam os torcedores do Milan, ultrapassou o recorde do espanhol Raúl (Schalke 04): 70 gols em competições europeias. Superou o holandês Marco Van Basten que tinha 124 gols em partidas oficiais com a camisa do Milan. E o atacante ainda ficou mais perto de atingir outra marca: Inzaghi tem 315 gols em partidas oficiais com o Milan e faltam três gols para atingir a marca do jogador italiano Roberto Baggio. Tudo isso em UMA partida.
Muitos criticam Inzaghi por sempre estar em impedimento e por não ser tão novo assim, mas o atacante mostra a importância da experiência de um jogador que entrou no lugar de Ronaldinho Gaúcho, apagado no jogo. Após o domínio do Real Madrid no primeiro tempo, Inzaghi entrou durante a segunda etapa e como sempre deu esperança ao torcedor rossonero. A esperança que com Inzaghi nunca morre e sempre renasce.
Pippo pode não ter técnica e não chamar a atenção com grandes dribles, mas ele tem a melhor habilidade que um atacante pode ter: o dom da artilharia. Sempre que é chamado, Inzaghi responde, mais do que isso: corresponde. E o técnico do Real Madrid, José Mourinho, estava certo ao dizer que temia Pippo Inzaghi.

2 comentários:

  1. Liindo blog visita e seque o meu?

    http://blogdeumagarotaadolescente.blogspot.com/

    Ficarei grata se sequir.

    ResponderExcluir
  2. Querida amiga

    Hoje a minha visita
    é para agradecer.
    Cada visita sua ao meu espaço
    de sentimentos,
    inspira alegrias em
    minha vida,
    e leva o que de melhor
    existe em mim.

    Sua amizade é preciosa
    em minha vida,
    e há de continuar a ser
    neste novo ano
    que está nascendo.

    ResponderExcluir